Amor, carinho e homenagens ao nosso frei Agostinho TOR

A celebração de hoje na comunidade São Jorge, na igreja matriz, teve uma alegria a mais com a comunhão de Cristo por ser a comemoração do aniversário do Frei Agostinho Odorizzi, pároco de São Jorge. Uma celebração de muita emoção para o aniversariante do dia, diante toda a assembleia. Antes do início da celebração eucarística, às 18h, já se anunciava o que viria no decorrer da missa.

O Evangelho foi proclamado pelo Pe Afrânio que trouxe como discussão a separação entre marido e esposa, e a prática de adultério pós-separação. A homilia ficou por conta de Frei Agostinho, reforçando que para encontrar a verdadeira paz e o amor precisamos ler os Evangelhos de Cristo, referenciando à experiência vivida nos festejos de São Francisco no último dia 4 de outubro, em que a construção da verdadeira paz de Deus entre os irmãos está na vivência em comunidade e com o próximo. Conforme ele, é preciso conhecer e anunciar a Palavra de Vida.

Após a comunhão deu-se sequência às homenagens pela data natalícia do celebrante com vídeo dando-lhe os parabéns. Em seguida crianças entraram pelo corredor central da igreja, cada uma segurando as letras que formaram o nome “Frei Agostinho” e todas se posicionaram diante o presbitério. A seguir duas crianças, cada um com vestes franciscanas, uma garotinha representando Santa Clara e um rapazinho a Francisco também adentraram pelo corredor central cantando uma linda canção para o homenageado, que acompanhava tudo emocionado.

E a emoção não acabou por aí. Cada criança que segurava uma letra foi dizendo o significado das iniciais que carregavam. Após a palavra de cada uma delas, acompanhadas com lágrimas nos olhos, frei Agostinho se levantou e abraçou a cada uma delas em sinal de agradecimento. As homenagens se encerraram com um bolo especialmente confeccionado com o brasão e as cores do time do coração do frei, o Vasco da Gama.

Na celebração também estava concelebrando Frei Rogério e o Pe Walmir, que também foi presenteado. Ele recebeu uma imagem de São Francisco de Assis. A festa natalícia teve sequência fora da igreja, onde os fiéis parabenizaram o frei e comemoraram com o aniversariante comendo uma fatia de bolo.

Por Hedre José

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *