Grupos de jovens: espaço de esperança, resistência e felicidade

“O meu desejo é a vida do meu povo” Est 7,3

É com o coração em festa e cheio de entusiasmo que anunciamos a nossa XI Assembleia Arquidiocesana da Pastoral da Juventude Arquidiocese de Manaus. Foram meses de preparação, cuidado e dedicação e a partir desta construção apresentamos o cartaz com o tema e a iluminação bíblica que através da arte nos ajudará a percorrer e vivenciar mais um ciclo na nossa amada Pastoral da Juventude na Arquidiocese de Manaus.

Os grupos de jovens representados no cartaz nos traduzem o espírito que impulsionará toda a XI AAPJ, a partir da sua esperança, resistência e felicidade. Os grupos de jovens são a vitalidade da Pastoral da Juventude e neles estão presentes a diversidade do protagonismo da juventude, os diversos rostos da juventude.

Representados na base da imagem encontram-se os documentos que a igreja aponta como sendo caminhos de acolhida e de opção de vida aos jovens, pela Luz de Cristo e inspirados pelos documentos. A vida comunitária, com talentos de uma juventude criativa e perseverante, está representada nos instrumentos que trazem a musicalidade aos grupos. A prática da Palavra assume a ousada missão de fazerem da vida uma causa preferencial pela juventude pobre e marginalizada, simbolicamente, assumida no anel de Tucum.

Assim os grupos de jovens da Arquidiocese de Manaus que se banham no encontro místico de companheirismo do Rio Negro e do Rio Solimões, assumem como guerreiras e guerreiros, filhas e filhos das Amazonas, dos índios Manaós a missão permanente de construtores da Civilização do Amor pelo desejo inquieto da vida do nosso povo!

Texto e ilustração: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *